Cânion Itaimbezinho

A A A

Serra Gaúcha - Canion Itaimbezinho - 06

Vista de um dos mirantes do parque

Localizado na divisa entre os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina, dentro do Parque Nacional de Aparados da Serra, o Cânion Itaimbezinho é o mais famoso da região. Com  profundidade máxima de 700 metros e 5,8 km de extensão, paredões verticais e fenda estreita,  é um dos maiores cânions das Américas.

Serra Gaúcha - Canion Itaimbezinho - 05

Ele é formado por Mata Atlântica e Floresta de Araucária, campos e penhascos, onde residem papagaios-de-peito-roxo, guaxinins, jaguatiricas e outros tantos animais.

Seu nome tem origem no tupi guarani – “ita”: pedra e “aimbé”: cortante, afiada – dada a sua formação geológica, que realmente impressiona com suas paredes íngremes que parecem ter sido cortadas à faca.

No parque existem três trilhas abertas ao público, sendo a Trilha do Vértice e a do Cotovelo as principais delas, percorrendo a parte superior do cânion. A Trilha do Rio do Boi, por sua vez, é a única feita na parte inferior. A entrada desta trilha é pelo Posto de Informação e Controle do Rio do Boi, em Praia Grande, Santa Catarina. Em breve teremos um post específico sobre essa trilha.

Entre as quedas d’água do cânion estão a Véu de Noiva e a das Andorinhas, que dão todo um charme ao cânion.

Serra Gaúcha - Cânion Itaimbezinho - 12

Serra Gaúcha - Canion Itaimbezinho - 08

Cachoeiras do Cânion Itaimbezinho quase sem água

Dentro do parque não é permitido acampar, entrar com animais e nem fazer uso de fogo.

Geralmente a época com a melhor visibilidade do cânion é o inverno. Mas para isso, prepare-se para pegar bastante frio. Ainda sobre a visibilidade, é possível acompanhá-la pelo e-mail parnaaparadosdaserra@icmbio.gov.br, o Twitter (@pnas_pnsg), que fornece diariamente informações sobre as condições de visitação ou ainda pelo Skype (pn.aparadosdaserra.serrageral).

Arrow
Arrow
Slider

Outros atrativos por perto são o Cânion Fortaleza (em breve também teremos um post sobre ele), Cânion Faxinalzinho, Cânion Malacara e Cânion Churriado, estes dois últimos podem ser visitados pela parte superior ou por dentro deles, na parte inferior. A região ainda permite atividades como rapel em cachoeiras, passeios de bote e visitas a criadores de abelhas e produtores orgânicos, por exemplo.

Serra Gaúcha - Canion Itaimbezinho - 11

Como chegar no Cânion Itaimbezinho

O canion Fica a 18 km de Cambará do Sul, cidade que costuma servir de base para visitar o Parque Nacional de Aparados da Serra e da Serra Geral.

Indo de Santa Cantarina pela BR 101, pegue a entrada do acesso para São João do Sul – Praia Grande (21 km pela SC290 – antiga SC450 – até Praia Grande) e depois serão mais 23 km de estrada de terra até a entrada do Parque, subindo pela Serra do Faxinal (SC290, depois RS 427). Praia Grande fica a cerca de 300 km da capital Florianópolis e a 210 km da capital Porto Alegre, pela BR 101.

Indo de Rio Grande do Sul, acessar o trevo para Cambará do Sul (na Rota do Sol ou RS-020). Em Cambará, dobrar à direita na Estrada do Itaimbezinho (RS427), e de lá seguir por 18km por estrada de terra até a entrada do Parque. Cambará do Sul fica a cerca de 190 km de distância da capital Porto Alegre.

Endereço: Rodovia RS 429, KM 18

Já sabe onde se hospedar? Faça sua busca e reserve aqui!

Mais informações do Cânion Itaimbezinho

Site: http://www.icmbio.gov.br/parnaaparadosdaserra/guia-do-visitante.html

Ingressos:

Brasileiro: R$8,00.

Estrangeiro: R$15,00.

Menores de 12 anos e maiores de 60 anos: isentos.

Veículos:
R$ 5,00 para automóveis
R$ 10,00 para ônibus
R$ 3,00 para motos

O Parque abre o ano todo à visitação, porém apenas de terça a domingo (abre às segundas de feriados nacionais, carnaval, natal e ano novo). O horário de visitação é de 8h – 17h, podendo permanecer até 18h. Para a trilha do Rio do Boi, a entrada é até 13h e para a trilha do Cotovelo, 15h.

Para a parte superior do cânion (trilhas do Vértice e Cotovelo e Entrada Gralha Azul), não é obrigatória a presença de guia, mas é obrigatório o acompanhamento de guia para a trilha Rio do Boi (quem quiser o contato do guia que nos acompanhou, basta pedir por e-mail).

 



21 respostas para “Cânion Itaimbezinho”

  1. Esse lugar é mesmo um espetáculo! boas dicas, lindas fotos!!!

  2. Livia Zanon disse:

    Acho lindo lugares verdes com cachoeira 😀 demais as dicas, fiquei com vontade de conhecer Itambezinho!

  3. Elaine disse:

    Agora fiquei com mais vontade ainda de conhecer! Parabéns pelo post !! Bjs Elaine

  4. Ana Lúcia disse:

    Estivemos nos Cânions em junho/16 e esse lugar tem uma energia incrível!
    O cenário muda de acordo com ao clima, é surpreendente.
    Fotos lindas!
    Abraços.

  5. Planeta Gaia disse:

    Dica espetacular… estamos programando uma viagem de carro para o Rio Grande do Sul e vamos incluir uma parada especial para conhecer esse Cânion, parece lindo. Adoramos esse contato com a natureza, trilhas e pássaros. Belo post 😉

  6. Que lugar lindo! Surpreendente. As fotos estão demais! Já quero conhecer. heheh! Beijo =*

  7. Ler esse post me fez reviver a nossa viagem para Cambará do Sul… Uma das melhores e mais especiais que já fizemos… Fomos com nossos dois filhos (Benício 3 anos e Aurora 1 ano) e foi para lá de divertido e rico… Inclusive Benício andou como nunca havia andado, sem pedir colo, na trilha do vértice – inteira – e na trilha do cotovelo meio trecho de ia e um trecho inteiro de volta… Andou mais de 5 km admirando a natureza e curtindo aquela maravilha toda… Foi tão incrível, tão especial que a gente fala de Cambará todos os dias desde então… Amei as informações, super completo o post!!!!!

  8. Mateus disse:

    Nunca tinhamos ouvido falar sobre o Parque! Curtimos muito a dica! Incrivel!! 😀

  9. Milzara disse:

    Que bela região e eu nem sabia que existia! É tanto cantinho por esse Brasil afora que é de nos deixar com o queixo aberto. Obrigada por compartilhar.

  10. Ótima dica de passeio, já tinha ouvido falar deste lugar mas não tinha a noção de como era tão impressionante. Parabéns pelas fotos e pelo post!

  11. Demais esse lugar, hein! Queríamos conhecer em um fim de semana. Vocês acham que rola? Partindo de Porto Alegre… Muito bom o post!

  12. Ótimo post. Nós conhecemos Cambará do Sul mas como tínhamos somente 1 dia na cidade, optamos pelo Canion Fortaleza. Mas em outra oportunidade vamos conhecer com certeza.

  13. Demais, um cenário maravilhoso. AS fotos estão incríveis, deu muita vontade de conhecer. Parabéns

  14. lugar muito especial. Fiquei admirado com a quantidade de informações interessantes sobre o canion. Muito legal o cuidado com os detalhes. Adorei a publicação.

  15. Débora disse:

    Nunca tinha ouvido falar desse lugar. As fotos são lindas, adoramos esse contato com a natureza, cachoeira, trilhas… Valeu pelas dicas!

  16. Luisa disse:

    Que lugar lindo! Parabéns pelo post e pelas fotos incríveis! Me deu muita vontade de conhecer….

  17. Fabiana Diniz disse:

    Uauu que lugar sensacional! Tenho muita vontade de conhecer e o roteiro de como chegar está completo. Amei o post e as fotos estão incríveis!!!

  18. Mari disse:

    Acredita que estivemos na cidade em 2011, e não sabíamos da grande beleza que esse lugar guardava. Necessitamos retornar rs..Parabéns pelo post !!

  19. Ameeei esse lugar, lindo demais. Deve ser uma delícia.
    Parabéns pelo post e pelas fotos maravilhosas.

    Beijokas

    Carol & Thiago

  20. Júlia disse:

    Ótimo post, nunca tinha ouvido falar desse lugar, parece incrível. Adoro saber o tanto de lugares incríveis existentes por ai (e alguns talvez nunca conheceremos). Por isso é ótimo acompanhar os blogs e ver essas maravilhas.
    Beijão

  21. Alice disse:

    Nunca tinha ouvido falar desse lugar até chegar nesse post seu. E, é uma pena pois é in-crí-vel !

Deixe seu comentário