Blue Lagoon – A Lagoa Azul da Islândia

A A A

A Islândia é um país mágico por natureza. Parece que até quando nós humanos criamos coisas, elas parecem ser de outro mundo. Esse é o caso da Blue Lagoon, uma piscina artificial que surgiu “sem querer” e se tornou um dos maiores atrativos turísticos da Islândia.

Foto de pessoas relaxando na Blue Lagoon na Islândia

Pessoas relaxando na Blue Lagoon

Antes de começar o assunto real desse post, vou deixar um alerta: caso esteja programando uma viagem para a Islândia, CUIDADO! Esse país é encantador demais. Após conhecê-lo, a chance de você querer retornar eternamente é enorme. Ou seja, continue a leitura e o planejamento da viagem por sua conta e risco. Depois não diga que não avisei.

Histórico da Blue Lagoon

Apesar da sua aparência de outro mundo, sabia que a Lagoa Azul foi criada por mãos humanas? Pois é. Nos anos 70, mais precisamente em 1976 (mesmo ano em que dois hippies chamados Steve Jobs e Steve Wozniak criaram uma tal de Apple), uma piscina começou a se formar a partir das águas residuais da usina geotérmica Svartsengi.

Nessa usina, a água superaquecida, próxima a um fluxo de lava a mais de 2.000 metros abaixo da terra é utilizada para mover enormes turbinas que geram eletricidade para o país. Nesse estágio, a temperatura do vapor da água está próxima a 240 °C. Frio, né?

Após passar por essas turbinas, a água ainda é utilizada para o sistema municipal de aquecimento. Depois disso tudo, a temperatura da água já está bem mais baixa e ela é movida para a área da lagoa.

Sei que esse não é o assunto para esse post, mas a utilização que a Islândia faz da natureza para o seu dia a dia é incrível. Quem sabe mais para frente não pinta um post aqui sobre isso?

Detalhe da água azul da Blue Lagoon na Islândia

Voltando à história… Em 1981, após relatos sobre seus supostos benefícios para a saúde serem popularizados, as pessoas começaram a visitar e se banhar na piscina.

Em 1992, percebendo a oportunidade ($$$), foi criada a Blue Lagoon Company. Com isso, a piscina foi oficialmente aberta ao público.

Informações Técnicas

Os 9.000.000 (sim, nove milhões) de litros de água da Blue Lagoon geralmente variam entre 37 e 40 °C. Ou seja, uma delicia!! Dá para ficar lá dentro da água até os dedos ficarem todos enrugados (hehehe).

A cada dois dias (mais espeficicamente a cada 40 horas), toda a água da Blue Lagoon é renovada.

As águas são ricas em algas e em minerais como a sílica e o enxofre. Com isso, ela ganhou a fama de ajudar na recuperação de pessoas que sofrem de diversas doenças de pele. Se é verdade ou não eu não sei, mas de fato nossa pele ficou parecendo mais lisa depois dessa coisa linda aqui embaixo:

Foto do Oliver e Raquel cheios de lama de silica na Blue Lagoon

Oliver e Raquel cheios de sílica na Blue Lagoon

Aproveitando a foto… Está vendo essa cor azulada da água? Diferente, não é? Segundo os entendidos, essa cor se dá principalmente pela presença de sílica na água e pela forma com que ela reflete a luz solar. No entanto, se você colocar um pouco da água em um copo e não estiver debaixo dos raios solares, vai reparar que na verdade a água é branca. Doido, não é?

A maior parte da lagoa fica entre 0.8 e 1.2 metros de profundidade. A parte mais funda é de apenas 1.4 metros. Assim, mesmo que você não saiba nadar, vai poder aproveitar essa delícia.

Higiene é Coisa Séria

Na Islândia, o assunto higiene é levado a sério.  Com isso, TODOS os visitantes de suas piscinas públicas são obrigados a tomar um banho COMPLETO antes de entrar na piscina. Não sabe o que é banho completo? Bom, de forma clara, é um banho peladão mesmo. Nem sunguinha tá valendo.

Já vai preparando sua mente, pois, para evitar riscos de pessoas que não tomam o banho corretamente, não existem cabines individuais. Ou seja, tem um monte de chuveiro, um do lado do outro e tem que ficar como veio ao mundo sem nenhum pudor (sim, existem vestiários masculinos e femininos).

Isso pode parecer estranho para nossa cabeça brasileira, mas na Islândia isso é tão natural que em algumas piscinas públicas existe inclusive a função do “fiscal de banho”. Um cara que fica lá no banheiro de olho para ter certeza de que todo mundo está lavando tudo o que tem que ser lavado.

Foto de quadro que ensina a como tomar banho para as piscinas públicas da Islândia como a Blue Lagoon

Não sabe tomar banho? Não se preocupe, a Islândia te ensina! É só dar aquele trato nas áreas marcadas em vermeho

Outros Atrativos da Blue Lagoon

Além da enorme lagoa, o complexo da Blue Lagoon oferece muitas outras opções para relaxar. Entre elas:

Máscara de lama de sílica – Essa é a responsável pelas fotos clássicas onde todo mundo aparece com aquela cara toda branca. Você pode pegar a sílica no Silica Bar, dentro da lagoa. A orientação é aplicar o quanto quiser no seu rosto e deixar agir por pelo menos 5 minutos. Placebo ou não, o negócio parece funcionar. Como disse mais acima, realmente senti a pele mais macia depois.

Sauna seca e a vapor – Existem diversas saunas dentro do complexo, tanto secas quanto a vapor. Todas elas têm grandes janelas com visão para a área da lagoa.

Cachoeiras – Para os que curtem massagem com água, foram criadas algumas cachoeiras artificiais pela lagoa. A pressão da água é muito boa!

Nossa Opinião Sobre a Blue Lagoon

Enquanto programávamos nossa viagem para a Islândia, ouvimos muita gente falando que “a Blue Lagoon é muito turística, não é uma verdadeira piscina pública islandesa”. Quer saber? É verdade mesmo. Quer saber outra coisa? Qual é o problema disso?!

O lugar é absolutamente fantástico (e sim, nós somos turistas)!

Desde a chegada, já percebemos o quão especial é a lagoa. O caminho do estacionamento até o hall de entrada é feito por entre pedras do campo de lava. Lindo demais.

Parte do caminho entre o estacionamento e o hall de entrada da Blue Lagoon na Islândia

No caminho entre o estacionamento e o hall de entrada da Blue Lagoon, você tem vistas como essa

Ao chegar no hall, fomos muito bem recebidos pelos funcionários que verificaram nossa reserva e nos deram as pulseiras que servem como chaves eletrônicas para os armários dos vestiários e para liberar as catracas de entrada.

Depois disso, fomos direcionados para os vestiários, onde podemos guardar nossos pertences nos armários (bem grandes) e tomar o tal do banho completo.

Já devidamente higienizados, agora é partir para a alegria. No dia em que fomos à Blue Lagoon, apesar de estarmos no auge do verão islandês, a temperatura fora da água não estava lá muito quentinha, 11 °C. Com isso, o lance era ficar o maior tempo possível dentro da água. Imagina como deve ser durante o inverno, quando as temperaturas chegam a 0 °C…

Dentro da lagoa, a ordem é relaxar. De preferência, achar um macarrão daqueles de boiar e ficar por ali flutuando. Obviamente, não pode se esquecer de utilizar a famosa máscara de lama de sílica e tirar fotos pagando esse mico.

Raquel na Blue Lagoon na Islândia

Raquel na Blue Lagoon. Aqueles guindastes são para a contrução de um novo complexo para 2018

Raquel relaxando com seu macarrão na Blue Lagoon na Islândia

Raquel relaxando com seu macarrão na Blue Lagoon

Oliver com a máscara de lama de silica na Blue Lagoon na Islândia

Fala sério, essa máscara de lama de sílica é muito style!

Ah, é possível comprar bebidas dentro da área da lagoa.

Aproveitamos bastante nosso tempo na lagoa azul, saímos de lá quase às 23h. Como estava durante a época do sol da meia noite, apesar do horário, ainda estava bem claro.

Depois de tanto relaxar, foi hora de voltar para os vestiários, tomar outro banho, se arrumar e partir para o albergue dormir como uma criança.

Dicas Importantes

Desapegue-se do seu cabelo – Mulheres, não é mentira. O passeio é incrível, mas tenha uma certeza: seu cabelo vai ficar BEM ruim (sim, ruim MESMO). Os minerais presentes na água são ótimos para a pele, mas deixam o cabelo bem seco. No banheiro, a Blue Lagoon oferece sabão líquido e condicionador. Eles mesmos recomendam passar o condicionador antes e depois do banho para evitar ficar algumas semanas tentando desembaraçar suas madeixas.

Deixe seus anéis e afins no armário – Assim como o cabelo, as joias também não curtem muito os minerais encontrados na lagoa. Melhor deixá-las guardadinhas.

Mantenha-se hidratado – A água quentinha é maravilhosa, principalmente quando fora dela está frio. Mas cuidado: ficar muito tempo submerso pode te deixar desidratado. Ou seja, beba muita água.

Levar óculos de sol – Nos dias com muito sol, a água reflete seus raios. Melhor levar um óculos para se proteger.

Estacionamento grátis – Se você optar por ir com seu próprio carro para a Blue Lagoon (foi o que fizemos), vai ficar feliz em saber que eles contam com um estacionamento amplo e gratuito para seus visitantes. Do estacionamento até a entrada da lagoa é necessária uma caminhada de cerca de 5 minutos.

Foto da visão geral da Blue Lagoon

Visão geral da Blue Lagoon

Foto da área interna da Blue Lagoon vista de dentro da lagoa.

Área interna da Blue Lagoon vista de dentro da lagoa.

Mais Informações sobre a Blue Lagoon

Horário

Horários regulares:

Data Horário de Funcionamento
1 de Janeiro – 25 de Maio 8:00 – 22:00
26 Maio – 29 Junho 7:00 – 23:00
30 Junho – 20 Agosto 7:00 – 00:00
21 Agosto – 1 Outubro 8:00 – 22:00
2 Outubro – 31 Dezembro 8:00 – 21:00

Horários especiais durante festas de final de ano:

Data Horário de Funcionamento
21 a 23 de Dezembro 8:00 – 21:00
24 de Dezembro 8:00 – 15:00
25 de Dezembro 8:00 – 16:00
26 a 30 de Dezembro 8:00 – 21:00
31 de Dezembro 8:00 – 17:00
1 de Janeiro 8:00 – 21:00

Obs.: Confira sempre no site oficial para o caso de possíveis alterações.

Ingressos

Apenas crianças acima de dois anos de idade podem entrar na Blue Lagoon.

Entre dois e treze anos, a entrada é gratuita. Até os dezesseis anos é obrigatório estar acompanhado por um responsável.

MUITO IMPORTANTE: É necessário o pré agendamento da sua visita a Blue Lagoon. Nesse agendamento, você escolhe tanto o dia quanto a hora da sua visita. Inclusive, alguns horários possuem preços diferenciados. Para reservar sua visita, basta entrar no site oficial da Blue Lagoon.

Para visitar a Blue Lagoon, existem quatro planos de ingressos. Veja aqui abaixo os seus preços:

Standard Comfort Premium Luxury
  • Entrada para a Blue Lagoon
  • Máscara de lama de sílica

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  • Entrada para a Blue Lagoon
  • Máscara de lama de sílica
  • Máscara de algas
  • Uso de toalha da Blue Lagoon
  • Primeiro drink da sua escolha

 

 

 

 

 

 

 

  • Entrada para a Blue Lagoon
  • Máscara de lama de sílica
  • Máscara de algas
  • Uso de toalha da Blue Lagoon
  • Primeiro drink da sua escolha
  • Uso de roupão da Blue Lagoon
  • Chinelos
  • Reserva no restaurante LAVA (opcional)
  • Vinho, se for jantar no restaurante LAVA

 

 

 

  • Entrada para o Exclusive Lounge
  • Vestiário privado
  • Entrada para a Blue Lagoon
  • Máscara de lama de sílica
  • Máscara de algas
  • Uso de toalha da Blue Lagoon
  • Primeiro drink da sua escolha
  • Uso de roupão da Blue Lagoon
  • Chinelos
  • Reserva no restaurante LAVA (opcional)
  • Vinho, se for jantar no restaurante LAVA
  • Conjunto de produtos da Spa Journey
ISK 6100 por pessoa

(aproximadamente R$185 no dia 11/10/2017)

ISK 8100 por pessoa

(aproximadamente R$245 no dia 11/10/2017)

ISK 10200 por pessoa

(aproximadamente R$305 no dia 11/10/2017)

ISK 53000 para duas pessoas

(aproximadamente R$1585 no dia 11/10/2017)

Tudo lindo! A parte da natureza (água e pedras) e do homem (construção). Esse é o retrato da Blue Lagoon e da Islândia

Tudo lindo! A parte da natureza (água e pedras) e do homem (construção). Esse é o retrato da Blue Lagoon e da Islândia

Extras

Boias são fornecidas gratuitamente a todas as crianças com oito anos ou menos. Além disso, também são disponibilizados aqueles macarrões de piscina para você poder ficar relaxando na água quentinha.

Se estiver sem carro, pode optar pelo transfer quando for comprar seu ingresso. Ele custa ISK 4.500 por pessoa acima de 13 anos. Entre 2 e 13 anos, é gratuito.

Se você estiver com mais “tempo” ($$$), a Blue Lagoon também tem opções como:

  • Massagem relaxante (de 30 ou 60 minutos)
  • Tratamento dos pés e perna com sílica
  • Tratamento corporal com sílica
  • Massagem da parte superior do corpo e cabeça

Tour guiado – O tour dura aproximadamente 40 minutos, passando pelas partes internas e externas da lagoa. Ele custa ISK 2.000 por pessoa e só pode ser agendado por grupos de pelo menos 11 pessoas. Nele, você irá aprender sobre a erupção ocorrida há 800 que criou o cenário onde a Blue Lagoon está, sobre como a lagoa foi formada, os benefícios da água para sua saúde e por último, sobre o papel desempenhado pelos elfos e o quanto é importante mantê-los felizes. 🙂

Pessoas na Blue Lagoon na Islândia

Aquela construção à esquerda da foto é onde se pega a lama de sílica

Contato da Blue Lagoon

Telefone: 

+354 420 8800


Web Site: 

http://www.bluelagoon.com/ (em inglês)

http://www.bluelagoon.is/ (se você for corajoso e quiser visitar o site em islandês)


E-Mail: 

contact@bluelagoon.com

Pessoas curtindo a Blue Lagoon

Esse vídeo aqui acima mostra o triste momento em que saímos da Lagoa Azul islandesa.

O Uma Volta e Meia faz parte do programa de afiliados do Booking, Rental Cars e Seguros Promo. Dessa forma, se você reservar a sua hospedagem, carro ou contratar seu seguro viagem através dos links e banners do blog, como estes abaixo, nós receberemos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ainda ajuda a manter o blog e a torná-lo sempre atualizado. 🙂



Booking.com

 

Quer contratar um seguro viagem e ainda ganhar 5% de desconto? Basta usar o código abaixo!



Banner 2

Como chegar a Blue Lagoon

A Blue Lagoon fica em um lindo campo de lava a aproximadamente 50 Km de Reykjavík. Como grande parte desse caminho é o mesmo que liga a capital ao aeroporto internacional de Keflavík, a estrada é muito boa. Em menos de uma hora chega-se à piscina.



Uma resposta para “Blue Lagoon – A Lagoa Azul da Islândia”

  1. Que lugar incrível! E vcs deram serviço completo! Agora é dar um jeito de conhecer!!

Deixe seu comentário